Palestra para Motoristas

Palestra para Motoristas
Arquivo: HighPluss Treinamentos, 2017.

sábado, 31 de dezembro de 2011

AS NOTÍCIAS QUE GOSTARÍAMOS PARA 2012

As notícias que queríamos publicar em 2012
Setor de mobilidade carece de muitos avanços, principalmente no tocante à vontade política e a atuação mais honesta de algumas empresas que poderiam se espelhar no exemplo de outras companhias que lucram mas sabem valorizar o ser humano
ADAMO BAZANI – CBN

Mobilidade não é só desenvolvimento econômico, mas é vida! Por trás de sistemas de transportes, não há só uma grande quantidade de recursos envolvida, movimentando a economia e dando oportunidade e acesso para os cidadãos, mas há histórias humanas, um pouquinho da vida de cada.
Um transporte de qualidade nada mais é que garantir ao ser humano a valorização que ele precisa e merece.
Ao longo de 2011, publicamos mais de 700 notícias sobre transportes. Algumas que foram verdadeiros presentes para a população e para quem admira o setor: novas empresas chegando em áreas que sofriam com precariedade e implantando um conceito mais digno de atendimento, lançamentos de verdadeiras máquinas que dão orgulho à indústria brasileira, soluções em mobilidade simples, mas bem aplicadas e que aliviaram o sofrimento que hoje é viver nas cidades, participações de empresas de ônibus em ações sociais e muito mais.
Infelizmente também houve notícias que mostraram que nem tudo nos transportes é feito de flores, mas eram fatos que precisavam ser expostos para a conscientização e informação do cidadão. Afinal, antes mesmo de alguém ser apaixonado por transportes, busólogo, pesquisador, seja qual for o título, este alguém é cidadão e um ser inteligente. Desrespeito com o dinheiro público no planejamento de soluções de mobilidade, escândalos de empresas e empresários em casos como de lavagem de dinheiro, corrupção, má prestação de serviços e até assassinatos.
Marcas tradicionais de empresas e indústrias passando por dificuldades, muitas vezes por razões pouco esclarecidas formalmente, mas evidentes ao menor uso do senso crítico. Transporte público só ficando no discurso enquanto o transporte individual que polui mais e congestiona as cidades continuando com os privilégios em nome de uma política eleitoral que beneficia a classe média formadora de opinião.
Em 2012, a torcida é para que as coisas melhorem, mas admitamos que se o pensamento de muitas autoridades e da população não mudar e não se transformar em ação em prol da coletividade, edo próximo, barreiras ainda serão enfrentadas.
Não dá para escolher o que noticiar, afinal, o jornalismo é narração dos fatos, além de seus esclarecimentos. Se ocorrerem fatos positivos, é um prazer noticiar, mas se vierem os negativos, é um dever.
Mas se fosse para escolher algumas notícias, gostaríamos de manchetes como estas:
—- MOBILIDADE URBANA: GOVERNOS SE ENTENDEM E ESCOLHEM OS MELHORES SISTEMAS PARA A POPULAÇÃO
Acabou a disputa entre VLT, BRT e monotrilho. Planos definem a aplicação corret\ de cada modal para melhor atendimento das populações nas cidades
—- CASO BUSSCAR TEM UMA SOLUÇÃO DEFINITIVA
Setor de transportes ganhou com as medidas tomadas e a dignidade dos trabalhadores é garantida
—- LICITAÇÃO DA ANTT: GOVERNO FEDERAL E EMPRESAS SE ENTENDEM
Medidas garantiram melhorias nos serviços de transportes rodoviários e na condição de vida de quem precisa viajar
—- TECNOLOGIA LIMPA RECEBE INCENTIVOS REAIS
Com isso, o uso de ônibus e outros meios de transportes públicos não poluentes torna-se vantajoso economicamente para operadores e população é quem ganha com isso
—EMPRESAS DE ÔNIBUS SE DESTACAM EM AÇÕES SOCIAIS E DE VALORIZAÇÃO A VIDA
Além de grupos que já possuem essa postura, mais empresas tornaram suas relações com o meio ambiente e com o cidadão mais próximas.
—- TRANSPORTE PÚBLICO GANHA PRIORIDADE REAL NAS CIDADES
O transporte individual não foi penalizado, mas o coletivo ganhou importância e se tornou mais atraente o que gerou diminuição no trânsito e na poluição nas cidades brasileiras.
É verdade, algumas destas manchetes podem se limitar ao sonho, mas de sonhos que são feitas as mudanças.
Note que em cada uma delas falamos de transportes, mas as beneficiadas sempre foram as pessoas.
Isso porque, transporte é muito mais que ônibus, VLT, trem monotrilho ou metrô. É uma atividade humana e quando ele for realmente pensado para o ser humano, vai cumprir seu papel que é garantir dignidade às pessoas.
Feliz 2012
Publicado em 31/12/2011 por Adamo Bazani, jornalista da Rádio CBN, especializado em tranportes.
Blogpontodeonibus

Nenhum comentário:

Postar um comentário